O Centro de Vida Independente

O Centro de Vida Independente (CVI) é uma organização sem fins lucrativos, constituída e dirigida por pessoas com diversidade funcional, que tem por objectivo base a defesa e a divulgação da filosofia de Vida Independente em Portugal.

Seguindo os princípios da Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência, pretende-se a melhoria da qualidade de vida das pessoas com diversidade funcional, através da filosofia de Vida Independente e também da actuação noutras áreas onde exista necessidade de alterar paradigmas ou possamos dar um contributo útil para a construção de uma sociedade melhor.

A filosofia de Vida Independente pretende que a pessoa com diversidade funcional seja o centro da acção, passando a ser esta a controlar a sua vida, podendo escolher com quem vive, onde vive, o que faz na vida sem que esteja condicionada a imposições externas, como a institucionalização, onde perde, quase sempre, a possibilidade de ter uma vida autónoma e decidida por si mesmo – Saiba mais sobre a Vida Independente.

O CVI é, também, responsável pela gestão do Projeto-Piloto de Vida Independente, promovido pela Câmara Municipal de Lisboa, estando criadas as condições de base para um processo de empowerment (pois os utilizadores são responsáveis por todas as decisões) e para o fomento do apoio interpares das pessoas com diversidade funcional.

A criação do CVI é uma ação que, dependendo das pessoas com diversidade funcional, é indispensável para dar sentido e permitir o avanço da filosofia de Vida Independente.

O CVI tem como objectivos:

  • Fomentar a inclusão social e a melhoria da qualidade de vida das pessoas com diversidade funcional.
  • Promover a filosofia de Vida Independente entre as pessoas com diversidade funcional, público em geral, decisores políticos e administrações central, regionais e locais.
  • Contribuir para a criação de Centros de Vida Independente e estimular a solidariedade e o estabelecimento de redes entre eles.

Pretendemos desenvolver inúmeras actividades para atingir esses objectivos:

  • Gerir sistemas de Vida Independente, nomeadamente o Projeto-Piloto de Vida Independente LX.
  • Garantir a sustentabilidade do Centro de Vida Independente e da prestação de assistência pessoal, através da procura de fontes de financiamento.
  • Divulgar e disseminar o conceito de Vida Independente.
  • Contribuir para a definição de Políticas Públicas referentes às pessoas com diversidade funcional e monitorizar a implementação das mesmas.
  • Fomentar o diálogo, apoio e aconselhamento interpares.
  • Promover e/ou realizar estudos na área da deficiência.
  • Sensibilizar/formar e prestar consultoria na área da deficiência em geral.

Deixe uma resposta