Author: Admin

Aprovação do protocolo com o CVI

Mais uma rodinha em direção ao futuro!

Hoje foi aprovado, por unanimidade, o protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal de Lisboa e o Centro de Vida Independente. Estamos muito entusiasmados por poder seguir em frente com a ambição de existir o direito a uma Vida Independente em Portugal.

Fará um ano, dia 3 de Dezembro, que iniciamos esta enorme aventura, de implementar um projecto-piloto de assistência pessoal em Portugal. A iniciativa do Vereador João Afonso deu a possibilidade de pela primeira vez na história termos nas nossas mãos o nosso futuro.

“Nada sobre nós sem nós!”

Inscreva-se no projeto-piloto.

Projeto-Piloto: Seleção de utilizadores

Precisa de Assistência Pessoal? Candidaturas abertas.

Está aberta a fase de candidaturas de utilizadores ao Projeto-Piloto de Vida Independente.

O Centro de Vida Independente (CVI) está selecionar utilizadores para Projeto-Piloto de Vida Independente.

O CVI tem como finalidade a melhoria da qualidade de vida das pessoas com diversidade funcional através da promoção e defesa da filosofia de Vida Independente.

Requisitos:
● Ser uma pessoa com deficiência, dependente de terceiros nas atividades da vida diária, com capacidade de auto representação.
● Ter entre 18 e 64 anos de idade.
● Residir ou trabalhar no concelho de Lisboa.
● Ser sócio do CVI – Poderá inscrever-se ao mesmo tempo que se candidata. Veja como aqui.

Detalhes do projeto:
● Duração de 2 anos.
● Seleção de 5 a 10 utilizadores.
● Poderá haver 3 casas para os utilizadores que necessitem.

Candidaturas abertas de 15 de Outubro a 01 de Novembro de 2015

Para candidatar-se deverá enviar um e-mail para o endereço eletrónico: vidaindependente.lx@gmail.com, com o assunto “Candidatura a utilizador”, onde constem os seus dados pessoais (nome e contactos) e uma breve descrição dos motivos que o levam a candidatar-se ao projeto.

Saiba mais sobre o projeto aqui.
Saiba o que são os assistentes pessoais.

Questões frequentes
Preciso de pagar? – Não, este projeto não tem custos para os utilizadores selecionados, o custo é suportado pelo Centro de Vida Independente através de financiamento da Câmara Municipal de Lisboa.
Perco direito aos meus subsídios? – Não. Na entrevista que será marcada com os candidatos será explicado em detalhe como se processa o pagamento aos assistentes pessoais, no entanto os utilizadores não serão penalizados por terem este serviço.
Já tenho de ser sócio do CVI? – Para candidatar-se e/ou ser selecionado tem de ser sócio, no entanto pode tornar-se sócio ao mesmo tempo que se candidata.

Para mais informações contacte-nos por email (vidaindependente.lx@gmail.com) ou pelos seguintes contactos:
Ana Paulino – 919 090 038
Carla Branco – 917 154 169

A Vida Independente cada vez mais perto

Foi dado mais um importante passo para a concretização da Vida Independente em Portugal. Teve lugar ontem a eleição dos corpos sociais do Centro de Vida Independente, que irá gerir o Projecto-Piloto promovido pela Câmara Municipal de Lisboa.

Eleições CVI_1

A actividade do CVI não se esgotará na gestão do referido projecto-piloto. Os objectivos são mais vastos, tal como consta no regulamento interno, também ontem aprovado:

  • Fomentar a inclusão social e a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência;
  • Promover a filosofia de vida independente entre as pessoas com deficiência, público em geral, decisores políticos e administrações central, regionais e locais;
  • Contribuir para a criação de Centros de Vida Independente e estimular a solidariedade e estabelecimento de redes entre eles.

Será esta a orientação geral da actividade do CVI e dos seus corpos sociais agora eleitos:

 

 

Mesa de Assembleia

Mesa da Assembleia

Filomena Carvalho – Presidente

Carla Oliveira – Secretária

Madalena Brandão – Secretária

 

 

 

 

Eleições CVI_2_Direcção

Direcção

Diogo Martins – Presidente

Diana Santos – Tesoureira

Carla Branco – Secretária

Carina Brandão – Vogal

Rui Machado – Vogal

 

Eleições CVI_3_Cons_FiscalConselho Fiscal

Manuela Ralha – Presidente

Pedro Grilo – Secretário

Vitor Martins – Secretário

Técnico Oficial de Contas

anúncio toc

Procuramos Técnico Oficial de Contas (TOC) para ficar responsável pela contabilidade do Centro de Vida Independente. Dada a discriminação que existe no acesso ao emprego, nós fazemos discriminação positiva. Queremos alguém com deficiência.

Caso tenha uma deficiência, esteja inscrito na Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas e queira trabalhar connosco, envie email com o seu currículo para vidaindependente.lx@gmail.com.

Eleição dos corpos sociais do CVI

Depois de intenso trabalho na definição da futura actividade do Centro de Vida Independente (CVI) tendo-se legalizado a Associação e elaborado o regulamento interno e o manual de procedimentos do serviço de assistência pessoal, chegou a altura de eleger os corpos sociais do CVI. Vamos eleger a Mesa da Assembleia Geral, a Direcção e o Concelho Fiscal. É já na próxima 3ª Feira, dia 30 de Junho às 18h no Edifício Central da CML no Campo Grande nº 25.  

Se tem uma deficiência e quer associar-se ao CVI, é uma boa altura para aparecer. Recordamos que será o CVI que irá gerir o projecto-piloto de Vida Independente promovido pela Câmara Municipal de Lisboa

Junte-se a nós. Quantos mais formos a querer uma mudança na vida das pessoas com deficiência, mais cedo ela terá lugar.

Adolf Ratzka – Sócio Honorário do CVI

Reunião de elementos do CVI com Adolf Ratzka
Reunião de elementos do CVI com Adolf Ratzka

Aproveitando a sua estadia em Portugal, para participar numa conferência promovida pelas Eurocidades, o Centro de Vida Independente (CVI) reuniu com Adolf Ratzka. Uma oportunidade para esclarecer muitas dúvidas e aprender com a longa experiência de alguém que é uma referência no Movimento Internacional de Vida Independente. Pelo contributo de uma vida na emancipação das pessoas com deficiência, decidiu o CVI que Adolf Ratzka fosse o seu primeiro sócio honorário. Dada a estima e consideração que todos temos por este exemplo de vida e pela pessoa, ficámos muito satisfeitos e honrados com a aceitação da distinção que propusemos. Para quem não está a par da actividade de Adolf Ratzka, aqui deixamos uma breve nota curricular:

  • Economista na área de Investigação no Royal Institute of Techonology, em Estocolmo, entre 1978 e 1994, foi também Coordenador do CIB (International Building Research and Documentation Council) – Building Non–Handicapping Environments, durante doze anos, tendo neste âmbito organizado conferências internacionais em Praga (1987), Tóquio (1988), Budapeste (1991), Harare (1992) e Montevideo (1992).
  • Até 1982 fez investigação nas áreas da desinstitucionalização de idosos e pessoas com deficiência, sistemas de assistência pessoal e apoio domiciliário e acessibilidade na habitação e nos edifícios públicos.
  • Como consultor da SHIA – Swedish Handicapped International Aid Founation, promoveu e concebeu um projecto para a produção de cadeiras de rodas em Manágua, Nicarágua, sendo a maior na América Central e ainda em laboração, desde 1984.
  • Director e fundador do Instituto de Vida Independente, na Suécia, é ainda Membro do Conselho do Swedish Ombudsman on Disability Issues, desde 1994.
  • Fundador e membro da Direcção da STIL, Stockolm Cooperative for Independent Living, entre 1984 e 1995, membro do World Institute on Disability, em Oakland, Califórnia, desde 1985. Fundador da ENIL, European Network on Independent Living, é ainda Secretário do Comité para a Vida Independente da Disabled People’s International.

CVI legalizado

IMG_20150526_171640  IMG_0594

Deu-se ontem um passo importante para a implementação do projecto-piloto. Foi constituído formalmente o Centro de Vida Independente. Legalizado como uma Associação, que tem como fim “a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência, através da promoção e defesa da filosofia de vida independente, nomeadamente a implementação de sistemas de vida independente.”

O CVI tem estado a reunir duas vezes por semana já há algumas semanas, Neste momento, após a definição dos estatutos e do regulamento interno, formaram-se dois grupos de trabalho que estão a ultimar o regulamento sobre a prestação de Assistência Pessoal e a definir os conteúdos da formação dos Assistentes Pessoais.

Se tem uma deficiência, quer pertencer ao CVI e participar nos trabalhos que estão a decorrer, é só aparecer à 3ª feira ou 6º feira pelas 18h no edifício central da CML, no Campo Grande nº 25.

CERTIDÃO

Reunião de constituição do CVI

Entrada do Espaço Municipal da Flamenga
Espaço Municipal da Flamenga

A continuação do processo e o êxito do Projecto-Piloto de Vida Independente, dependem em primeiro lugar da adesão e empenho das pessoas com deficiência. O Centro de Vida Independente, estrutura composta e dirigida por pessoas com deficiência, será o gestor do dia-a-dia do projecto.  

É altura de constituir o CVI, tomar uma série de decisões que ficamos de tomar e avançar na prestação de assistência pessoal a quem precisa.

Se tem uma deficiência, convidamo-lo(a) a participar na primeira reunião que irá realizar-se na próxima 6ª Feira, dia 17 de Abril, das 18h00 às 20h00. Terá lugar no Espaço Municipal da Flamenga, Rua Ferreira de Castro, Bairro da Flamenga, Marvila.

Este espaço situa-se perto do Centro Comercial da Bela Vista.

Existem duas carreiras da Carris, a 794 (Estação do Oriente – Terreiro do Paço) e  a 793 (Estação Roma/Areeiro – Marvila) com acessibilidade a cadeira de rodas que têm uma paragem junto ao Centro Comercial.

A estação de Metro Bela Vista tem uma saída acessível mas não dá directamente para o caminho de acesso ao local da reunião. Para chegar a essa rua tem de se sair da estação de metro, virar à esquerda até encontrar uma entrada do parque de estacionamento e aí apanhar o elevador para o Centro Comercial. Não é muito prático mas é o único caminho possível em cadeira de rodas.

Em frente ao local da reunião existe um parque de estacionamento com muitos lugares.