Dia 5 de Maio de 2018 – Dia Europeu da Vida Independente

Posted on: 12 Abril, 2018

MARCHA PELA VIDA INDEPENDENTE

5 de Maio, 14h30, Av. Liberdade (frente Teatro Tivoli)

 

Convocamos TODAS,

Pessoas com deficiência/diversidade funcional auditiva, visual, física/motora, intelectual, de aprendizagem/desenvolvimento,

Pessoas com qualquer tipo de incapacidade,

Pessoas sem deficiência, interessadas em defender os Direitos Humanos,

Para se juntarem a nós no dia 5 de Maio, Dia Europeu da Vida Independente!

Marcharemos pelo Direito à Vida Independente, pelo direito a uma Vida Digna, pelo reconhecimento do nosso empoderamento, pelo respeito das nossas decisões!

Somos mulheres e homens com deficiência/diversidade funcional, somos cidadãs e cidadãos ainda sem igualdade de direitos e exigimos que os nossos Direitos Humanos sejam reconhecidos e respeitados!

 

Exigimos:

  • o direito à escolha pela Vida Independente;
  • o início do MAVI e o fim das limitações de número de participantes e do número de horas de assistência disponíveis para cada participante, ao abrigo do MAVI;
  • que os serviços de assistência pessoal sejam viabilizados pelo Estado;
  • acessibilidade nos transportes públicos e direito livre de circulação nos transportes e nas ruas;
  • respeito e devida aplicação das leis nacionais e internacionais de não discriminação e de combate à violência sobre as pessoas com deficiência/diversidade funcional;
  • mais e melhor eficácia do Sistema de Atribuição de Produtos de Apoio;
  • acesso à Cultura, sem restrições;
  • acesso ao emprego;
  • ensino verdadeiramente inclusivo e que forme jovens com deficiência/diversidade funcional para entrada no mercado de trabalho;
  • acesso a nível físico, de comunicação e informação a todos os serviços de Saúde;
  • o reconhecimento do Código Braille aplicado à Língua Portuguesa e o aumento de publicações disponíveis;
  • o reconhecimento da Língua Gestual Portuguesa, sua defesa e ensino;
  • Em suma, mais oportunidades, mais acesso, menos discriminação, e menos pobreza.

 

Convocamos TODAS e TODOS a marchar connosco!

 

Deixe uma resposta